Páginas

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Morre ator Alan Fontaine



Aloisio de Castro, mais conhecido por Alan Fontaine, morreu em sua casa em Interlagos, zona sul da capital paulistana, na terça-feira, 4 de janeiro de 2011. Muito abatido, ultimamente era sempre visto em uma galeria da região central de SP, local onde mantinha um mini escritório.

Alan Fontaine filho de conhecido médico em São Paulo, é um ator brasileiro nascido no Estado do Ceárá. Começou sua carreira na telona em 1974, com Carlos Coimbra, no filme " O Signo de Escorpião". Depois disso, teve uma extensa filmografia na época da pornocganchada, tempos áureos da rua do triunfo, centro de São Paulo. Trabalhou com os grandes diretores de seu tempo como Alcides Caversan, Ozualdo Candeias, mas foi estrelando os filmes de Fauzi Mansur que Alan começou a se destacar no cenário nacional.
Em " O Menino e o Jornaleiro", de Alcides Caversan (1982) trabalhou ao lado Dalileya Ayala, Renato Bruno (irmão Nicete Bruno). Em Sexo às AvesSas, 1982, atuou com Serafim Gonzalez, Arlindo Barreto (filho da Márcia de Windsor), Wilza Carla, Ênio Gonçalves entre outros. Com Os Trapalhões o estrelato chegaria ao ator pois filmou "Planeta dos Macacos" e “O trapalhão nas minas do Rei Salomão” entre outros. Alan Fontaine Não deixou esposa e nem filhos. (FM).


Filmografia

2003 - Trabalha como fotógrafo para "castings" de modelos e atrizes
1992 - Gaiola da Morte (de Waldir Kopesky)
1986 - Boca Quente - Quando a Boca Engole Tudo (de Fauzi Mansur)
1985 - AIDS, Furor do Sexo Explícito (de Fauzi Mansur)
1985 - Ninfetas do Sexo Ardente (de Fauzi Mansur)
1985 - A Noite das Penetrações (de Fauzi Mansur)
1985 - Viagem Além do Prazer (de Fauzi Mansur)
1984 - O Analista de Taras Deliciosas (de Fauzi Mansur)
1984 - As Delícias do Sexo Explícito (de Fauzi Mansur)
1984 - As Rainhas da Pornografia (de Fauzi Mansur)
1984 - Tudo Dentro (de Fauzi Mansur)
1983 - Ninfetas do Sexo Selvagem (de Fauzi Mansur)
1983 - Sexo Animal (de Fauzi Mansur)
1981 - A Cobiça do Sexo (de Mozael Silveira)
1981 - As Intimidades de Duas Mulheres (de Mozael Silveira)
1981 - A Opção (de Ozualdo Ribeiro Candeias)
1981 - Sadismo - Aberrações Sexuais (de Fauzi Mansur)
1980 - O Doador Sexual (de Henrique Borges)
1980 - A Virgem e o Bem-Dotado (de Edward Freund)
1979 - Diário de Uma Prostituta (de Edward Freund)
1977 - O Trapalhão nas Minas do Rei Salomão (de J.B. Tanko)
1976 - O Trapalhão no Planeta dos Macacos (de J.B. Tanko)
1974 - O Signo de Escorpião (de Carlos Coimbra)

Um comentário:

Marcia disse...

Foi uma pena ele ter morrido assim,sem amigos e tendo um filho ,e nem ter conhecido ,eu conheço o filho dele que mora em Paraty que ele fez em 1974 gravando o filme signo de escorpião e acreditem ou não ele morreu no dia do aniversário do filho !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!